terça-feira, 23 de junho de 2015

INCRÍVEL

Impressionante meu coração.
Levando-me completamente.
Jamais ouve a voz da razão...
Sou pura emoção recorrente.

Quando tempo brinca devagar.
Passando pela janela minha.
Sentido  convite no ar...
Contudo, meu coração advinha.

Eterna espera, de vida inteira.
Jamais permite outra chance.
Como vagão descendo a ladeira.
Escadaria de próximo lance...

Incrível sensação pertinente.
Vou me deixando de lado.
Coração de poesia latente.
Comumente pulsa parado.

Nenhum comentário: