quinta-feira, 25 de junho de 2015

OPINIÃO


Medindo um brilho,e pela sensatez.
Encanto falado, se largando ao vento.
Veludo saltando, tocando a suave tez.
Tua voz, teu jeito, enquanto intento!

Palavras contadas, como só tu rimas.
E constantemente, permitido entender.
Enquanto meus dias, apenas tu animas.
Portanto nem vendo, meu tempo correr.

Uma lembrança, carregada comigo.
Das horas vividas, feliz ao teu lado.
Uma felicidade, eternamente persigo.
Sempre mantendo, os dias contados.

Aquela tristeza, eternamente esqueço.
Pois, a maior parte, em ti me define.
Sentimento de paz, tem teu endereço.
Esse puro amor, sem que nada opine.

Nenhum comentário: