terça-feira, 23 de agosto de 2016

DEPOIS...


Simplesmente,uma devida razão.
Que jamais,provocou,porém...
Tristeza,alegria,qualquer comoção.
Entretanto,incomoda também.

Pelo fato,ás vezes, exorbitante.
Como abordamos distraídos.
Elevando a calma em instante.
Choramos depois,tempos perdidos.

Que nos fizemos sofrer...
E repetidamente, prometemos.
A cada página nossa, escrita ler.
Quando no livro da vida escrevemos.

Contudo, não nos incomoda...
Jamais pode, nos machucar.
A vida girando como roda.
E nos ensinando a tolerar.

Todo aprendizado,sempre dura.
Apenas,uma vida eterna...
Abre a mesma ferida,e cura.
Quando se exalta, e se consterna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário