terça-feira, 23 de agosto de 2016

MUITOS MOTIVOS

Amor,que comigo carrego.
Quanta saudade ofertada.
Mesmo assim,eu não nego.
Importante amor,mais nada.

Contigo eu posso encontrar.
Muitos motivos para espera.
Quando me ponho a recordar.
Sinto,minha alma tanto venera.

Meu amor deixado distante.
Mesmo porque ninguém vê.
Amor que carrego ofegante.
Deixando um sonho a mercê.

Mesmo assim ,valendo amar.
Vida em branco,a amargura.
Amor permite,sempre estar.
Com a alma em eterna lisura.


Nenhum comentário: