quarta-feira, 29 de março de 2017

PROMESSA

Meu amor, meu caminho, minha vida.
Meu sol límpido, manhã primaveril.
Jamais incumba, saudade embutida.
Meu amor, encantada manhã de abril.

Insistindo vivência, a teu lado, portanto.
Jamais abdique, em meio ao caminho.
Um amor  seguindo, meu doce encanto!
Jamais consinta, esse amor sozinho...

Então, meu amor, estou aguardando.
Com o coração, totalmente apertado.
Pacientemente esperando...
Uma notícia boa, um bom recado.

Ainda  solicito, com toda afabilidade.
Permissividade, para que eu siga na frente.
Evitando assim,eu morrer de saudade.
Cumprindo promessa, esperar  contente.

Um comentário:

Tais Luso disse...

Muito bonito, amiga, gostei do conteúdo e do ritmo! E das metáforas empregadas.
Gostoso de ler!
Beijo!