sábado, 1 de julho de 2017

ESSENCIAIS RECEITAS

Quanta solidão comigo carrego.
Em liberdade ao que prefiro...
Inverter concepções, juro não nego.
Porém meu gosto,eu nunca firo.

Somos desiguais, porém tentamos.
Igualar os costumes de cada um...
Quando naturalmente diferenciamos.
E na pura certeza, de mal algum.

Teu jeito amigo, encanta-me tanto!
Porém, ainda, eu continuo diferente.
Ás vezes, incompreensiva, tu o santo.
Acalmado alívio, completamente.

Tuas palavras, meu pensamento.
Que as acata, e as coloca no lugar.
Então, frações divididas, em momento.
Acato e adiro, maneira de pensar.

Assim diferentes, nos completamos.
Tendo eu,o que te falta, também...
Somos um livro, sempre trocamos.
Essenciais receitas, que nos mantêm.

Quando os dias, assentam inverno.
O coração sentindo, o frio intenso...
Rabiscos livres, antigo caderno.
Suaves palavras,contigo eu penso.

Nenhum comentário: