quarta-feira, 18 de julho de 2018

A FLOR DA VIDA

Uma vida floresce eternamente.
Contendo razões, para compor.
Reconstruindo tudo a seu favor.
Plagiando um  dia subsequente.

Sementes difundidas na genética.
Uma responsabilidade apropriada.
A existência dos entes despertada.
Airosa essência, simples, eclética.

A flor da vida exalando perfume.
Exposta no tempo como florada.
Bem vivida, contudo, espelhada.
Ao centro vital, que nela resume.

A vida brindada, assim presente.
Igualmente, num sentido visual.
Tão semelhante, quanto mortal.
Dentre página, de cada vivente.

Expandidas com toda instância.
Renascendo  flores promissoras.
Para perpetuações acolhedoras.
Clássicas fontes, á exuberância.

Nenhum comentário: