domingo, 29 de julho de 2018

IMPRESSÃO


Só o amor consegue, retroceder um rumo.
Colocando o norte, alimentando uma alma.
Como pólen da flor, da fruta, doce o sumo.
Elucidando, nutrindo, a essência da calma.

Impetrando transpor, nas barreiras notáveis.
Segurando nas mãos do tempo,e assim vai.
Marcando  caminhos, nas palavras estáveis.
Resistindo o oposto, mesmo invalidado,atrai.

Porque um amor, na finitude mantém viva.
Uma existência, num sentimento  convivido.
Deixando uma vida, todavia,um amor  criva.
Com atitudes ,o mais sublime ,dos legados.

Um amor expandido, sempre, contagiando.
Toda redondeza, abraçando uma vizinhança.
Onde mora amor, um coração vive cuidando.
Minuta atitudes ,com as letras da esperança.

Capacidade única, tornando o ser brilhante.
Estendendo para sempre ,lustrosa comoção.
Fica no silêncio, nos milênios ,nos instantes.
Largando clarificada, a mais doce impressão.

Nenhum comentário: