quarta-feira, 17 de junho de 2015

GRATA


O dia de hoje, sempre certo.
A esperança, assim alinhada.
Um par de luvas, bem perto.
Felicidade em cores sonhada.

O valor de saber o que tem.
Nada além, de viver em paz.
A vida sonhada também,
Onde alegria, há muito jaz.

As respostas bem definidas.
Com linhas tangentes fincadas.
Como luzes,em brilhos estendidas.
Feito gotas, em nossas calçadas.

Se chover, lá fora entendendo.
Que o sol só jaz escondido.
Graças!Louvando e rendendo.
Pelo maravilhoso dia vivido...

Grata pelo ar respirado.
Pelo alimento tão delicioso.
E pelo sono, quando reparado.
O cansaço de um dia trabalhoso.
 

Nenhum comentário: