quarta-feira, 24 de junho de 2015

EXATAMENTE

Saudade simula, uma noite perdida.
Quando o sono, meio sem vontade.
Resolvendo uma conta, mal resolvida.
Revirando uma agonia, sem piedade.

Indomável sentimento galopante.
Jamais obedece, comando sequer.
O coração tropeçando, todo instante.
Quando resolvido, amando requer.

Apenas, a tua presença assinalada.
Podendo colocar, dentre harmonia.
Devolvendo, o sono da madrugada.
E um sonho feliz, como todo dia.

Quando imaginando, ficar sem ti.
Leve sensação, assim, jamais posso.
Uma verdade sincera,contigo vivi.
Dentro de um sonho, tão nosso.

Tua presença enfatiza felicidade.
Alegrando sempre, dia qualquer.
Conduzindo assim, minha vontade.
Exatamente como, o amor quiser.



Nenhum comentário: