sexta-feira, 24 de março de 2017

PONTO POR PONTO

Eu prefiro os mistérios, se assim.
A vida me oferece uma escolha.
Admiro o arredondado confim...
Sempre antes,que o sol se recolha.

Eu prefiro ser livre, como sou.
Exposta a todos, aos quatro ventos.
Abraçando a felicidade que agitou.
 Minúscula, dentre tantos momentos.

Eu prefiro jamais abranger tudo.
Juízo amistoso ás interrogações.
Aplainar os cantos jamais, contudo.
Assinto graça, aos diferentes pregões.

Eu prefiro viver, como eu gosto.
A seguir um modelo pronto...
Por isso,sempre em mim aposto.
Tecendo a vida,ponto por ponto.

Um comentário:

  1. Ah, também prefiro assim, apostando em mim e tecendo a vida ponto por ponto! Muito bonito!
    Beijo, querida amiga.

    ResponderExcluir